Associação de Comércio, Indústria e Serviços
da Região de Leiria
Terça, 02 Fevereiro 2016 09:37

Lei do tabaco com novas regras em 2016



Já estão em vigor desde 1 de Janeiro de 2016, as novas regras da lei do tabaco, de acordo com a Lei n.º 109/2015, de 26 de Agosto.

Esta lei veio estabelecer novas regras para o consumo e para a venda de tabaco, bem como prevê regras para uma nova realidade, o cigarro electrónico, ao qual se aplicarão as regras do tabaco, desde que aqueles utilizem nicotina ou qualquer componente desse produto.

Assim, na nova lei continua a prever-se uma proibição geral de fumar mas estabelecem-se novas regras para os estabelecimentos que queiram permitir o tabaco.

A título de exemplo, nos estabelecimentos de alojamento, nos estabelecimentos de restauração e/ou bebidas, nas grandes superfícies comerciais e nos casinos, bingos e salas de jogo, podem ser reservados espaços para fumadores, desde que obedeçam aos seguintes requisitos gerais:
a) estejam devidamente sinalizados, com afixação de dísticos legalmente exigidos;
b) tenham, na entrada, indicação visível sobre a lotação máxima permitida (por regulamentar);
c) sejam separadas fisicamente das restantes instalações ou, no caso de se situarem no interior de edifícios, sejam totalmente compartimentadas (por regulamentar);
d) disponham de um sistema de ventilação para o exterior com extracção de ar que permita a manutenção de uma pressão negativa de pelo menos 5 Pa (Pascal), e autónomo do sistema geral de climatização do edifício (por regulamentar);
e) Não possuam, nesses espaços, qualquer serviço, designadamente de bar e restauração.

Nos locais onde se fume, passa a ser proibido o acesso a menores de 18 anos. Existem ainda alguns requisitos específicos e algumas limitações para estes estabelecimentos poderem ter fumo, como por exemplo, em termos de percentagem do estabelecimento que pode ser destinado a este fim.

Como foi referido, estas regras só se aplicam a partir de 1 de Janeiro de 2016, tendo a lei previsto um regime transitório para os estabelecimentos que permitem o tabaco à luz da actual lei, podendo estes estabelecimentos manter a permissão de fumar, total ou parcial, até 31 de Dezembro de 2020, desde que, obviamente, cumpram as regras previstas na lei que hoje vigora.

Quem está online

Temos agora  28 Visitantes